Melhores plataformas de e-commerce: Descubra e crie sua loja em 2019

Criar uma loja virtual não exige tanto talento com programação, pois existe uma gama de plataformas prontas que podem fazer isso com certa facilidade. Mas qual será o melhor site para criar loja virtual?

Confira essa resposta e dicas surpreendentes nesse texto!

 

O crescimento do e-commerce no Brasil em 8 fatos

Nos últimos anos o e-commerce tem crescido bastante no Brasil, o maior acesso à internet e a disseminação dos smartphones, são alguns dos principais fatores. No entanto, antes de você escolher o melhor site para criar loja virtual, é preciso entender o mercado de trabalho.

Por isso separamos 10 fatos para que você se prepare melhor e veja o potencial que o e-commerce tem no nosso país.

 

#1. Faturamento de R$47,7 bilhões em 2017

O faturamento do e-commerce em 2017 foi 7,5% maior que em 2016, que já tinha sido um bom ano. O ticket médio também subiu, aumentando de R$418 em 2016 para R$429 em 2017, e é bem provável que tenha subido em 2018.

 

#2. 31,5% das compras foram feitas em marketplaces

O ano de 2017 foi marcado pelo fortalecimento dos marketplaces, isso porque ao considerar o mercado total de bens de consumo, o segmento atingiu ótimos números, R$73,4 bilhões, o que significa um aumento de 21,9% em relação ao ano anterior. Isso quer dizer que você deve ter atenção não apenas ao melhor site para criar loja virtual, mas aos seus canais de venda também.

 

#3. 27,3% das compras em 2017 foram feitas por um dispositivo móvel

Esse número apenas reforça a preferência dos consumidores pela facilidade de comprar pelo smartphone, o que torna um fator importante na hora de escolher o melhor site para criar loja virtual.

 

#4. Compras à vista aumentaram 

De todas as compras feitas em 2017, quase a metade, 49,8% foram pagas à vista. Isso vem ao encontro de outro dado importante, 35,5% dos pedidos efetuados tiveram o boleto como forma de pagamento, sendo desse total, 48,5% foi quitado, normalmente eles são pagos à vista. Além disso, a taxa de parcelamento recuou de 3,5 meses em 2016 para 3,3 meses em 2017.

 

#5. O perfil dos compradores é de maioria feminina

Um dos destaques relacionado a audiência é que a participação feminina das compras é de 50,6%, mesmo tendo diminuído em relação a 2016, percebe-se que o público feminino tem muita força no e-commerce.

 

#6. A média de conversão do e-commerce brasileiro é de 1,4%

Mesmo diminuindo a taxa de conversão em comparação a 2016, que era de 1,6%, continua com um bom número. Essa diminuição se deu pelo aumento do número de acessos aos sites através do celular, onde costumam ser menos eficientes nas conversões.

 

#7. Abandono de carrinho chega a 82,3%

Pode até parecer um dado negativo, mas uma média de 82,3% de carrinhos abandonados significa que existe uma margem grande para melhorias que estimulem as vendas.

 

#8. 58,5% das vendas foram de pessoas que retornaram ao site

Esse dado significa que as lojas virtuais estão conseguindo se aproximar de seus consumidores, no entanto, 77% dos clientes fez uma compra apenas no ano, o que significa que há margem para executar ações que aumentem a recorrência de conversões.

 

O que levar em consideração na hora de escolher o melhor site para criar loja virtual?

Antes de você saber o melhor site para criar sua loja virtual, você deve considerar todas as variáveis que fazem parte do processo de compra online. Por isso, antes de você escolher, é preciso se atentar a alguns pontos.

 

Layout responsivo

Sabendo que o tráfego em e-commerces possui maior preferência em smartphones, na hora de escolher a sua plataforma, não esqueça que o seu site deve abrir muito bem em qualquer celular.

Diante desse grande crescimento do tráfego mobile, o Google começou a dar menos prioridade na busca orgânica a sites que não possuem um layout responsivo. Além de responsivo, é importante falar que o seu layout seja bonito, fácil de entender e exclusivo, assim o seu site logo de cara já vai proporcionar uma boa experiência ao usuário.

 

SEO

O SEO é um conjunto de técnicas que tem como objetivo principal, melhorar o posicionamento de um site nos motores de buscas orgânicas. É extremamente importante que a sua plataforma considere as técnicas de SEO, já que 93% de toda atividade na internet começa com uma pesquisa nesses mecanismos.

 

Funcionalidades de front-end

As funcionalidades de cada plataforma irão ajudar em duas frentes importantes, aumentar a conversão do seu site e criar uma usabilidade incrível para o cliente. Por isso é preciso conhecer bem o seu público-alvo, para te ajudar, separamos algumas estratégias:

  • Defina as personas do seu negócio, isso irá ajudar muito na montagem de todo o seu site;
  • Entenda a jornada dessa persona, isso ajudará na definição dos canais de divulgação do seu produto;
  • Analise sua concorrência, você perceberá coisas não pensadas antes e vai poder ter uma base do que entregar a sua audiência.

 

Funcionalidades de back-end

Já na interface do administrador, é preciso atender a alguns pontos fundamentais:

  • Facilidade de gestão de produtos;
  • Relatórios completos;
  • Facilidade de uso do painel administrativo;
  • Criação de ofertas e cupons de desconto;
  • Integração com sistemas de ERP e CRM;
  • Integração com ferramentas de marketing
  • Integração com soluções de pagamento e logística;

 

Checkout transparente

Sabendo que muitos visitantes do site desistem da compra no checkout, é interessante que as lojas tenham um checkout transparente e fácil. Ou seja, que o visitante não precise sair do seu site para efetuar o pagamento.

 

 

Logística e frete

Após o pagamento provavelmente esse é o ponto mais importante, pois se trata do envio do produto. Você precisa escolher a plataforma com a melhor integração com as empresas que realizam o serviço de entrega. É essencial a integração direta com os Correios, além de compatibilidade com outras formas de envio, como SEDEX e PAC.

 

Versão mobile e app

Você deve se atentar e escolher uma plataforma que tenha boa capacidade responsiva, fazendo com que seu site funcione bem em qualquer dispositivo, seja móvel ou não. Lembre-se que quanto melhor for a usabilidade do cliente por dispositivos diversos, maior a chance de conversão.

 

7 Plataformas para você usar no seu e-commerce: Confira as melhores.

 

  1. Magento

O Magento é uma das plataformas mais populares do mundo, ele possui vários planos com diversos valores. Uma das suas maiores vantagens, é a possibilidade de utilizar várias extensões gratuitas. Sua flexibilidade e controle sem precedentes é outro ponto forte, tudo é configurável na plataforma, até porque uma das maiores premissas do Magento é que cada e-commerce é único.

 

  1. Shopify

Essa é outra plataforma muito popular, ela é bastante conhecida pela sua acessibilidade e disponibilidade de modelos prontos. Sendo assim, se você busca montar e configurar de maneira rápida a sua loja, o Shopify é uma boa opção.

Um ponto importante que devemos destacar, é que o Shopify permite que você instale o pixel do Facebook em sua loja, permitindo criar públicos personalizados para usar em seus anúncios nas redes sociais.

 

  1. Wix

O Wix é uma plataforma destinada a pessoas que possuem pouca experiência em desenvolvimento. Mas ele funciona bem em dispositivos móveis e permite colocar a função PayPal como forma de pagamento, além de cartões de crédito e boleto bancário.

Ele também conta com um sistema para gerenciar pagamentos e acompanhamento de entregas, além de ter uma fácil configuração para quem pretender trabalhar com cupons de desconto.

 

  1. Woocomerce  (Nossa recomendação)

O Woocomerce é destinado a sites feitos na plataforma WordPress, ele permite que você transforme blogs ou qualquer outro site em lojas virtuais, por esse e outros motivos que vamos falar aqui que é uma das nossas plataformas favoritas.

O Woocomerce tem a vantagem de utilizar um sistema de loja independente, o que é muito melhor para o seu e-commerce quando comparado a plataformas, como: Wix, Loja Integrada e Vtex.

Você vai poder criar uma loja virtual com recursos muito parecidos com os maiores sites do mundo, suas funcionalidades são excelentes, dentre elas, você usufruir de fóruns de discussões, blog e outros.

 

  1. PrestaShop

O PrestaShop se destaca por oferecer alguns recursos relacionados a marketing de forma mais fácil que as outras plataformas, ajudando a ter um engajamento maior com o seu cliente, e consequentemente, aumentando as vendas. No geral, a PrestaShop é uma plataforma confiável e atende bem um e-commerce, mas não é o melhor site para criar loja virtual.

 

  1. Vtex

A Vtex é a principal plataforma que oferece soluções para lojas virtuais com tecnologia de armazenamento em nuvem, isso te ajuda a acessar recursos para configurar sua loja virtual de qualquer lugar.

Além disso, ela tem uma fácil integração do seu sistema de inventário, frete e pagamentos, já que ela permite que você use a plataforma com outros sistemas integrados. Uma boa vantagem ao escolher a Vtex para fazer o seu site é contar com o sistema de SmartCheckout, possibilitando a venda em apenas 1 clique.

 

  1. OpenCart

Por último, o OpenCart, que possui um ótimo painel de controle, sendo muito intuitivo e com um visual moderno. Com o OpenCart você terá acesso a todas as informações que você precisa para ter o máximo de desempenho em sua loja virtual.

Mas infelizmente ele não oferece muitas funções integradas a outras plataformas, porém, em relação ao SEO, ele tem fácil integração e bom suporte a temas e extensões.

 

Chegamos a conclusão que existem muitas opções de plataformas para você fazer o seu site, mas existem também muitos requisitos para que essa plataforma te ofereça o melhor serviço.

Mas agora queremos saber, qual o melhor site para criar loja virtual na sua opinião?

Escreva nos comentários, queremos ver as justificativas!

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *